DO OUTDOOR A OOH!

outdoor é uma das mídias mais antigas da história, prova disso é que ele é citado até na bíblia:

“Escreva a visão  sobre tábuas, para que até quem passar correndo possa vê-la” “(Habacuque 2:2)

Daqueles tempos pra cá, muita coisa mudou, aquele outdoor com base de tábuas, e com fixação de papel cede lugar cada vez mais ao outdoor digital. Mas ele continua cada vez mais forte e muito programado nas mídias, e hoje o outdoor é a mídia off que mais conversa com a mídia on, graças a modernização que ele sofreu ao longo destes anos, passando pelos lonados e chegando na era digital. Isso mesmo, o outdoor hoje é cada vez mais digital.

Da década de 60 pra cá o outdoor mudou muito. A começar da nomenclatura de seu segmento, que após dividir espaço com mobiliários urbanos, o segmento antes chamado de mídia exterior, ganha um nome moderno, também americanizado como o nome outdoor: OOH. Hoje em todos os planejamentos de mídias, o meio da mídia exterior é mais conhecido como OOH, abreviação de mídia out of home.

Para entendermos o mercado de hoje , precisamos entender os tipos de outdoor e suas características:

(Em sua imensa maioria seu formato padrão é 9×3 metros).

1) OUTDOOR SIMPLES

Esse tipo de outro é o mais antigo. Ele é feito com 4 bases em metanol e chapas galvanizadas para receber papel e lonado e pode ser iluminado ou não.

2) FRONT LIGHT

Esse tipo de outdoor é mais robusto, ele tem uma base de ferro grosso (poste ), sua estrutura é toda em ferro e é iluminado. Sua característica permite sua venda para contratos longos com material em lona.

3) PAINEL DE LED

Esse é o outdoor do século XXI. Com leds cada vez mais modernos, ele permite uma visualização sensacional, full HD, ou seja, uma grade televisão a céu aberto.

Hoje, apesar de ter passado por muitas restrições em todo o país, o outdoor de papel ainda existe e é muito forte em algumas capitais, como Belo Horizonte e Salvador. O papel hoje não tem mais aquelas 32  folhas de antigamente. Hoje eles têm apenas 6 folhas, o que facilita sua colagem e sua produção. O outdoor em Belo Horizonte se desdobrou em outros tipos de outdoor. O mais famoso hoje na capital mineira é o painel de LED de alta definição. Mídia perfeita para conversar com o on line, pois facilita a gestão de conteúdos e é tao dinâmico quanto o on line. Pode ser atualizado em tempo real e se economiza muita verba, pois não é necessária a produção de papel ou lona para sua veiculação. E o melhor, podemos colocar quantos motivos (nome dado aos modelos das campanhas, ou seja, a riacho de mais de um material do mesmo produto) quisermos .

Hoje o outdoor é proibido em São Paulo. Podendo apenas ser apreciado nas cidades do seu entorno. Existem m muitas especulações em torno de sua proibição na capital paulistana, mas trataremos desse assunto em outro artigo. O outdoor em Belo Horizonte cumpre um papel decisivo nas programações das Mídias, elevando o resultados dos seus clientes a patamares expressivos. Belo Horizonte é hoje apelidada de Las Vegas brasileira, graças aos seus lindos painéis de LED espalhados, em perfeita harmonia com a passagem da cidade. O Grupo Fredizak é especialista em mídia OOH, possui um roteiro diversificado em paneis de led, outdoors, bancas de revistas de led e o seu Mídia Truck, produto exclusivo da Fredizak .

Características da MÍDIA OOH

São chamada de mídia OOH, todas as mídias que estão na rua, e agregadas a elas a mídia aeroportuária e mídia indoor. Conheça um pouco de cada um:

1) Mídia aeroportuária

São  Painéis de LED, testadas, painéis de controle de voo, adesivos de elevadores e portas, assim como fingers e aeronaves, lonas em corredores, carrinhos de bagagens, entre outros . Sem duvida a dia mais cara do mercado OOH .

2) Bancas de Revistas

São lonadas (lona backlight) mas pode ser também banca de LED. São mídias comercializadas nas costas das bancas de revistas que geralmente tem visibilidade para as ruas e avenidas.

3) Painel de Led

Como foi dito antes, consiste em painéis 9×3 metros ou maiores, e consistem em painéis com leis de alta definição que permitem veiculação de vídeos e outros conteúdos.

4) Outdoor

Seu formato é 9×3 e pode ser comercializado por bi-semana (duas semanas) com contratos com material em papel ou lona, e podem ser utilizados apliques também. Ps: apliques são partes da campanha criadas que ultrapassam o limite do formato do outdoor , dando a impressão de que produto vaza para fora do limite do outdoor.

A Fredizak ama esse tipo de campanhas e sempre sugere aos seus clientes, além de seus projetos especiais conhecidos pelo mercado.

5) Relógios urbanos e abrigos de passageiros

Bem menores que o outdoor, são mídias que precisam de uma criação bem especifica, sem muitas palavras e com textos grandes. Causam um excelente impacto. São vendidos através de roteiros pré-definidos.

6)  Traseira de ônibus (backbus)

Mídia bem solicitada pelo mercado, precisa também de criações bem específicas e precisa ser programado com um volume grande de linhas, sendo sua mídia pode se dispersar muito.

Os publicitários no geral, amam programar a mídia OOH em suas campanhas. As campanhas são sempre muito criativas e envolventes, alegram a cidade e ficam na boca das pessoas.

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.